30/07/2015

Aprovada implantação de projeto de enfermagem obstétrica no Rio

Fonte: http://blogs.oglobo.globo.com/blog-emergencia/post/aprovada-implantacao-de-projeto-de-enfermagem-obstetrica-no-rio-567771.html

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio aprovou, semana passada, o Projeto de Implantação da Enfermagem Obstétrica nas maternidades do estado. Serve para prestar assistência ao trabalho de parto, desde a entrada até a primeira hora após o nascimento do bebê.

O projeto piloto será implantado, em breve, no Hospital da Mãe, em Mesquita, e será monitorado pelo Conselho Regional de Enfermagem do Rio até 2016.

A ideia é oferecer assistência integral ao trabalho de parto, desde a entrada da mãe na maternidade até a primeira hora após o nascimento do bebê. A partir dos resultados obtidos no Hospital da Mãe, o projeto será levado para outras maternidades do estado do Rio.

Os principais indicadores avaliados serão as diminuições da taxa de cesarianas executadas pela equipe, da taxa de internação neonatal e de intervenções desnecessárias no parto (colocação de soro, a episiotomia, dieta zero etc).

Atualmente, oito enfermeiras obstétricas trabalham no Hospital da Mãe e mais quatro serão contratadas, este mês, para completar a equipe. E, ainda este ano, serão contratadas mais 12 enfermeiras, para que se cumpra a Resolução 293 do Cofen, que determina o dimensionamento de pessoal de enfermagem nas unidades de saúde.

Morte na maternidade
Gente do setor acredita que o projeto poderá evitar casos como de Rafaela Cristina Souza dos Santos, de apenas 15 anos, que morreu no último dia 25, no Hospital de Acari, para onde foi transferida após dar à luz no Hospital da Mulher Mariska Ribeiro, em Bangu, Zona Oeste carioca. A menina sofreu uma eclâmpsia, hipertensão específica da gravidez.




  • BannerLateral_codigo_etica
  • e-dimensionamento-207x117
  • add_5
  • parecer_CT2