19/05/2020

Cofen estabelece parâmetros mínimos de profissionais durante a pandemia

Cofen estabelece parâmetros mínimos de profissionais durante a pandemia Para

Cofen estabelece parâmetros mínimos de profissionais durante a pandemia

Para o presidente do Cofen, é importante seguir as recomendações buscando a qualidade da assistência aos pacientes durante a pandemia de COVID-19
O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) publicou parecer normativo que estabelece o quantitativo mínimo da equipe de Enfermagem necessária para a adequada assistência aos pacientes acometidos pela COVID-19, internados em Hospitais Gerais, Hospitais de Campanha e Unidades de Terapia Intensiva-UTI. O parecer normativo 03/2017 tem validade nacional.

Parecer Normativo Nº 002/2020 estabelece a necessidade, para cada 10 (dez) leitos, de 4 (quatro) a 8 (oito) enfermeiros (de acordo com a carga horária) e 7 (sete) a 16 (dezesseis) técnicos e/ou auxiliares de Enfermagem nos hospitais gerais e de campanha. Já nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), o número para cada 8 (oito) leitos é de 1 (um) enfermeiro e 4 (quatro) técnicos de Enfermagem

“É importante seguir as recomendações para que a assistência aos pacientes durante a pandemia de COVID-19 não seja prejudicada, assim como para preservar a saúde física e mental dos profissionais de Enfermagem”, afirma o presidente do Cofen, Manoel Neri.

Esta normativa tem validade apenas para a vigência exclusiva da pandemia de COVID-19.

Fonte: Ascom – Cofen http://www.cofen.gov.br/cofen-estabelece-parametros-minimos-de-profissionais-durante-a-pandemia_79951.html




  • BannerLateral_codigo_etica
  • e-dimensionamento-207x117