30/04/2015

Coren-RJ instaura processo fiscalizatório e ético para apuração dos fatos ocorridos no Hospital da Mulher Mariska Ribeiro

Informamos, enquanto Diretoria do Conselho Regional de Enfermagem do Rio

Informamos, enquanto Diretoria do Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro, que considerando o fato ocorrido no dia 24 de abril no Hospital da Mulher Mariska Ribeiro, adotamos as providências necessárias com vistas à imediata apuração de responsabilidade com a instauração do Processo Fiscalizatório com base no termo de visita com notificação nº 421002/2015 de 28/04/2015, e Ético.

O primeiro ato fiscalizatório na instituição foi realizado logo após a tomada de conhecimento da ocorrência no dia 28 de abril e o procedimento seguirá o que determina a Resolução do Cofen 374/2011. Quanto à apuração da responsabilidade dos profissionais diretamente envolvidos no caso, está sujeita ao que determina as Resoluções do Cofen 311/2007 e 370/2011.

Por fim, é importante ressaltar que os profissionais de enfermagem fazem parte de uma equipe multidisciplinar composta por diversos outros profissionais de saúde, onde a participação e integração dos Conselhos de Fiscalização Profissional tem como finalidade promover a rigorosa apuração dos fatos sendo isto imprescindível para a promoção da cidadania e da justiça.




  • BannerLateral_codigo_etica
  • e-dimensionamento-207x117
  • add_5
  • parecer_CT2