20/10/2021

Nota de Repúdio ao vereador Marciel de Oliveira da Câmara Municipal de Rio das Ostras 

Nota de Repúdio ao vereador Marciel de Oliveira da Câmara

Nota de Repúdio ao vereador Marciel de Oliveira da Câmara Municipal de Rio das Ostras 

O Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro (Coren-RJ), vem repudiar, por meio desta nota, as declarações ofensivas do vereador Marciel de Oliveira, de Rio das Ostras, veiculadas em sua rede social. No Facebook, revoltado com a falta de pessoal de enfermagem na UPA Valmir Hespanhol, bairro Âncora, o mesmo, achando-se blindado por imunidade parlamentar, xingou os técnicos de enfermagem chamando-os de “vagabundos”, por acreditar estes estariam faltando ao trabalho, e dessa feita, abandonando a população. 

A verdade – e o político agressor a conhece muito bem – é que, por ordem do poder executivo superior, inúmeras exonerações vem ocorrendo no município, inclusive, muitas delas a pedidos dos profissionais, por conta dos salários aviltantes, e das péssimas condições de trabalho, sendo que os poucos técnicos de enfermagem que ainda restam, estão sem receber seus proventos.

Os conselheiros e a equipe de enfermagem da UPA de Rio das Ostras

Nesta quarta-feira (20), conselheiros técnicos de enfermagem Leilton Coelho (diretor), Susana Veloso de Souza Rangel e  Suelen Alonso, do Plenário do Coren-RJ, estão presencialmente a Rio das Ostras para apurar o ocorrido; exigir da prefeitura que complete o quadro deficitário com os profissionais do banco de aprovados no  VII Concurso Público – Edital 04/2019, além de demandar outras providências.

O Departamento Jurídico do Coren-RJ examina ajuizar uma ação contra o vereador por injúria e difamação aos técnicos de enfermagem trabalhadores daquela unidade, e demandar retratação pública do próprio. 

A Direção do Coren-RJ, em sua próxima reunião, também analisará a pertinência de realização de um Ato de Desagravo aos trabalhadores ofendidos.

Assista ao vídeo




  • BannerLateral_codigo_etica
  • e-dimensionamento-207x117