27/05/2020

SAMU de Nova Iguaçu – Coren-RJ faz fiscalização e relata as irregularidades no RJTV1

A presidente do Coren-RJ Ana Lúcia Telles Fonseca foi entrevistada

A presidente do Coren-RJ Ana Lúcia Telles Fonseca foi entrevistada pelo RJTV1 da TV Globo que foi ao ar neste começo da tarde, 27 de maio (assista aqui), após verificar as péssimas condições de trabalho como atuam os profissionais do SAMU de Austin, Nova Iguaçu. A reportagem mostra vídeos do local e depoimentos de funcionários, que são protegidos pelo sigilo de fonte do jornalismo e não são identificados.

Ana Lúcia Telles relata as inúmera irregularidades no SAMU de Austin. Lá, foi constatado que os profissionais não contam com EPIs para sua proteção, não há higiene e ventilação no ambiente totalmente insalubre dos alojamentos nem local e mobiliário adequados para descanso, e sequer existe dispensário de sabonete para lavagem das mãos. A presidente do Conselho de Enfermagem também denunciou que não há testagem de Covid-19 para os funcionários, até o momento.

A reportagem mostra ainda que, do lado de fora da base do SAMU de Nova Iguaçu (Austin), o lixo infectante fica em um compartimento aberto, exposto, e até mesmo os capotes usados são descartados no chão.

O Coren-RJ, bem como o Cremerj, oficiaram o Ministério Público Estadual, o Ministério Público do Trabalho e a Defensoria Pública para tomada de providências judiciais, a fim de salvaguardar a saúde das equipes e também os pacientes por elas socorridos.

O SAMU de Nova Iguaçu já contabiliza dois óbitos de funcionários, sendo um deles a técnica de enfermagem Danielle Costa, em 27 de abril. Daniele tornou pública a sua agonia, em vídeos-diários que denunciavam as irregularidades e postados no seu perfil do Facebook.

Veja no link:




  • BannerLateral_codigo_etica
  • e-dimensionamento-207x117